contato@geokrigagem.com.br | (11) 2276-5711
28
MAR
2017

Modelagem geológica na avaliação de recursos minerais

A avaliação de recursos minerais não pode ser um procedimento simplesmente matemático de cálculo de teores considerando uma massa homogênea de material geológico. Uma aplicação bem-sucedida da geologia tanto no desenvolvimento como na lavra de um depósito mineral deve proporcionar sim
Continue lendo →
14
FEV
2017

Inventário da Pesquisa Mineral – Parte 3

Os testemunhos são analisados em intervalos denominados de-para ao longo do furo. É importante verificar se não há superposição de intervalos de-para na descrição do furo, bem como intervalo de-para ausente. A descrição deve contemplar o comprimento do furo. Assim, o último para deve
Continue lendo →
07
FEV
2017

Inventario da Pesquisa Mineral – Parte 2

As sondagens constituem principal fonte de amostras, pois elas fornecem os testemunhos que serão submetidos às mais diversas análises químicas e físicas. Portanto, essa amostragem pressupõe que os dados resultantes são direta ou indiretamente representativos da área em que ela foi rea
Continue lendo →
31
JAN
2017

INVENTÁRIO DA PESQUISA MINERAL – PARTE 1

O processo de estimativa de recursos minerais se baseia nos dados gerados durante a fase de exploração e pesquisa mineral. A indústria mineral coleta muitos dados, que proporcionam o melhor entendimento das variações locais, possibilitam estimativas mais robustas e tem influenciado hi
Continue lendo →
24
JAN
2017

A correta parametrização para localização dos vizinhos próximos no GEOKRIGE

Nos artigos anteriores, mostramos como o condicionamento da geologia (litologia e estrutura) é importante para a modelagem de variáveis contínuas. Neste artigo, além de mostrar a importância do condicionamento geológico, vamos abordar também a questão da correta parametrização no cálc
Continue lendo →
12
JAN
2017

Avaliação Geoestatística de Recursos Minerais

O processo de avaliação de recursos minerais conta atualmente com o auxílio de ferramentas computacionais, que facilitam esse trabalho técnico com vantagens em termos de rapidez, versatilidade e flexibilidade. Nesse sentido, todos os resultados da pesquisa mineral devem ser verificad
Continue lendo →
29
SET
2016

Regularização Down-The-Hole de Amostras com Observações Qualitativas

Os artigos anteriores trataram da regularização de variáveis contínuas, por meio da média ponderada. Dando continuidade ao assunto, hoje falaremos das variáveis discretas, as quais também precisam de um tratamento prévio com o objetivo de deixar as observações com um suporte constante
Continue lendo →
23
SET
2016

Regularização por Bancadas de Furos Inclinados com Desvios

No artigo desta semana continuaremos com o assunto Regularização, enfatizando os casos das bancadas de furos inclinados com desvios.
Continue lendo →
15
SET
2016

Regularização de Amostras de Sondagens por Bancadas

Na estimativa de um depósito mineral, cuja lavra se dará pelo método tradicional de bancadas a céu aberto, as amostras devem ter um suporte comum igual à altura da bancada. Apesar das sondagens terem sido planejadas em uma malha regular e com amostragem em intervalos regulares, as amo
Continue lendo →
08
SET
2016

A Incerteza na Estimativa por Krigagem Ordinária

A geoestatística teve uma grande aceitação ao proporcionar uma medida de incerteza associada à estimativa por krigagem ordinária, por meio da variância de krigagem. Esta aproximação foi utilizada há quase três décadas até a publicação de Journel e Rossi (1989). Nesta ocasião, os autor
Continue lendo →